Sergipe: Levante a mão quem ganha um salário mínimo no setor agropecuário

No segundo semestre de 2017, o setor agropecuário foi responsável por empregar 16,1% do total de pessoas ocupadas no estado de Sergipe. Essa proporção equivalia a 142 mil pessoas ocupadas, de sorte que o setor agropecuário, no período mencionado, perdeu apenas para o comércio e para serviço público em termos de setor com mais contribuição no total de empregados do estado. Interessante notar que a proporção de pessoas ocupadas no setor agropecuário, em Sergipe, é maior que a média brasileira (9,6%) e nordestina (14%). Contudo, o salário médio do setor agropecuário sergipano foi de apenas R$ 640,00 no segundo trimestre de 2017, acima do salário médio do setor agropecuário considerando a região Nordeste como um todo (inacreditáveis R$ 553,00, o salário médio mais baixo dentre todos os setores na região Nordeste) e menos da metade da média brasileira (R$ 1246,00).
Leia mais

Os comentários estão fechados.